segunda-feira, 5 de abril de 2010

inusitados de Praga

O desafio do Carlos foi o mote.
Recordar este episódio, a consequência.
Tudo começou por um 'tram' (eléctrico) apanhado na direcção oposta à devida, e à tentativa de recuperar a orientação por quem não tem nenhuma.
Ainda bem.
Pois eis que, perdidos em Praga, fomos cair no meio da produção ao vivo do novo spot televisivo da 'Rexona'...


... cujo tema central se baseava em 'Thriller' e onde os zombies, recrutados entre os transeuntes....
... se transformavam ali mesmo....

... em personagens verdadeiramente assustadoras...

... sobretudo para a actriz principal...

... cujos gritos despoletariam a presença de mais polícias-actores, também eles transformados em mortos-vivos.

O final da história? A verdade é que não ficámos para ver, tantas vezes as cenas tiveram que ser repetidas.
E talvez seja melhor assim: à falta de canais checos na Zon, para conferir o resultado, cada um dará o final que lhe apetecer, pode ser, Carlos?
O porquê de ter escolhido Praga como 'cidade da minha vida', será motivo de um próximo post

10 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Praga é uma cidade fantástica e o episódio que nos conta merece bem que ponhamos a imaginação a funcionar.
Obrigado por ter participado no meu desafio. Agora, fico a aguardar a explicação.

salvoconduto disse...

Nã, nã, nã, Rexona cá em casa nunca mais, mais zombies aqui não entram! Já há cá um, encontro-o todas as manhãs a espreitar no espelho da casa de banho...

Reflexos disse...

Praga. Fantástica. Já tive a sorte de lá estar duas vezes e sabe que da primeira vez não gostei?
Da segunda adorei...
Da primeira tb me perdi e foram três hora perdidos sem sabermos onde stavamos... andsamos pelo meio dos campos...

pedro oliveira disse...

Praga é uma paixão!
boa semana

Tite disse...

A ideia do Carlos foi óptima.

O inusitado de Praga veio mesmo a calhar.

Mas será que o ter vivido a hipótese de casting e a filmagem até ao fim não daria uma histórica fantástica para o resto da vida?

Pois... eu ficaria mas o meu marido... também não.

Como percebo que a única mulher a fazer parte do filme era a protagonista, teria que me travestir e isso já dava outra história rsrsrs.

Abraços

Si disse...

Tite,
Só para esclarecer: a história de participar num spot televisivo até poderia ficar para toda a vida, de facto, mas nunca nos passaria pela cabeça candidatar ao casting. Até os zombies tinham de saber o que fazer e... já tentou entender checo??? É absolutamente incompreensível!!! :D

Rosa dos Ventos disse...

E sem sair daqui fiquei a saber um pouco mais de Praga!
Muito cómodo...
Obrigada!

Abraço

papoila disse...

...e a música que acompanha o post???optima!
Ainda não conheço Praga!
xx

Filoxera disse...

Não conheço Praga.
Fico atenta ao próximo post.
Beijinhos.

Justine disse...

São episódios destes vividos no dia-a-dia das cidades que visitamos que as tornam inesquecíveis. Aliás, Praga é inesquecível por inúmeras razões...